Open site navigation

Kelly Key and Family

Kelly Key and Family

Benjamin Cano relembra chegada ao Brasil:  "Na beira da favela e sem conhecer as regras de nada"

O apresentador completou 11 anos morando no Rio 



Fotografo: @sergiobaia

Stylist: @paulozelenka


Nesta terça-feira, 31 de agosto, o apresentador de TV francês Benjamin Cano completa 11 anos morando no Brasil. Ele conta que a mudança não foi fácil, mas que é muito feliz no Rio de Janeiro. O empresário mora na cidade junto com o marido, Louis Plànes, e o filho do casal, Vinícius, de 4 anos. 



"31 de agosto de 2010 foi o dia que me despedi da França para me mudar no Brasil e recomeçar uma nova vida de zero em um país novo, longe da minha terra, longe da minha cultura e sem falar português. Quando pensou nisso fomos realmente 2 malucos", recorda. 



Benjamin, que atualmente é empresário bem-sucedido, diz que a casa onde ele morou, logo que chegou ao Brasil, era bem simples. 



"Nós mudamos para uma casa que quase não tinha manutenção, na beira da favela, sem conhecer as regras de nada !!! Gente … E 11 anos depois, com altos e baixos, somos brasileiros, temos um filho e esperamos um outro. Ainda moramos na mesma rua e estamos felizes da vida. E se vc me perguntar vc sabendo de tudo isso vc farei novamente? farei tudo igual !!! Óbvio tentarei evitar uns erros mas farei sim", disse o empresário.


Da França, Benjamin sente falta da família e da culinária francesa. 


"Apenas uma coisa que tem na França que não tem no Brasil e que até hoje sinto falta: comida. A arte culinária francesa, os produtos, o jeito de cozinhar, o jeito de receber para jantar. Nem tem como. É só na França. Tenho muita saudades", revela. 


Mas o apresentador não voltaria a morar no país europeu. 



"O Brasil tem todo o restante: a beleza, a ginga, o jeito, a música, a natureza, o gigantesco samba, o carnaval, e foi o país que me deu um filho. Falo duas coisas que eu nasci no país errado, e que eu sou provavelmente o gringo mais carioca que existe no Brasil. Eu amo meu país de paixão", declara. 



"Mesmo quebrado, mesmo sem nada, mesmo longe da minha família , mesmo na pior situação, pensando no pior cenário possível. Sem dúvida, e sem pensar mais de um segundo, eu ficaria no Brasil. Mesmo morto, quero ficar aqui. Eu sou brasileiro viu? Brincadeiras à parte, hoje me sinto muito mais brasileiro que francês, me reconheço muito mais no povo brasileiro que no povo francês, enfim sou  carioca da gema", completa. 


Foi no Brasil que Benjamin realizou o sonho de ser pai. Há 4 anos, o pequeno Vinícius havia nascido na rua com apenas 900 gramas. Foi reanimado na ambulância do SAMU e abandonado no hospital. A mãe biológica não chegou a ficar nem três horas com o bebê.



Imediatamente eles se interessaram e foram até a Bahia. Ali começou a conexão do casal com Vinicius. O bebê, já com dois meses e meio de vida, teve alta da UTI um dia após a ligação da juíza, quando os novos pais foram buscá-lo na maternidade. Era dia 11 de maio de 2017. Naquela época, a nova família teve de permanecer na Bahia por três semanas, pois Vinicius estava tão magro que a pediatra não autorizou a viagem de avião para o Rio.




Atualmente, Vinícius tem quatro anos e pede um irmão. O casal está na fila para um novo filho há quatro anos. Apesar da demora no processo, eles não pensam em outros métodos para ter um filho, como barriga solidária ou até de aluguel.




"Jamais. Tem tantas crianças para serem adotadas! O nosso projeto é realmente apenas a adoção. Já conversamos bastante sobre todas as possibilidades de sermos pais e a única que faz sentido para Louis e eu e de adotar", enfatiza. 



Benjamin apresentou o reality show francês "Les Angels". A sétima temporada foi gravada no Brasil e também contou com a participação da socialite Narcisa Tamborideguy. Agora ele sonha em fazer parte do RuPaul's Drag Race Brasil. 

ALL RIGHTS RESERVED

© 2022 by HOOKS MAGAZINE INTERNATIONAL LTDA.  Revista Hooks