top of page
Open site navigation

Chárlote Lima: e sua história de superação! Filha, Modelo, Cantora, Compositora e agora Empresária!


Créditos: Foto: @leonciprianophoto

Producer: @lucaslemesproducer

Makeup: @aisling.makeupartist @benni_mua

Designer: @directorhooks


Chárlote Victoria de Lima Becker. Mais conhecida como Chárlote Lima, nascida em Florianópolis, uma ilha no sul do país, capital de SC. Sua paixão por música foi amor `a primeira sensibilidade ao escutar frequências. Descobriu à música antes mesmo de nascer, pois sua mãe já cantava na igreja ainda quando estava grávida.


Chárlote cresceu sempre explorando todos os lados da arte, até crescer e decidir se tornar uma cantora profissional. Começou sua carreira aos 18 anos cantando funk, se tornou Chárlote Victoria de Lima Becker.


Chárlote Lima, se tornou MC durante 1 ano e meio até conhecer sua antiga empresária e produtora pessoal Kyara. Ela que tem uma agência de modelos, e fez com que Chárlote se tornasse modelo também além de cantora e intérprete.


Kyara fez uma das coisas mais significantes na vida da artista. Fez com que ela tivesse parcerias musicais no qual gerou uma afinidade de carinho entre ela e MC Kevin. Mc Kevin a considerava filha no ramo da música, e ajudou a divulgar alguns de seus trabalhos e Chárlote conta que aprendeu a escrever músicas e criar melodias e flows junto ao MC.



O artista que infelizmente não está mais entre nós mas deixou um presente lindo para ela, um feat no qual muitos fãs aguardam ansiosamente pelo lançamento também. Chárlote enfrentou em 2020 uma depressão profunda onde quase causou sua “ desistência no meio artístico”, ficou parada durante quase 2 anos. Mas ela conta que da mesma forma que se sentiu desmotivada, e o mesmo motivo a inspirou a escrever novas canções de superação, gratidão e assim poder retomar seu trabalho de onde parou.


Sozinha agora sem Empresários ela volta para o meio artístico com seu novo clipe que seria um desabafo durante esse tempo em que ficou parada. Decidiu viajar para fora do país, estudar, e ter novos estímulos de como crescer nesse meio e em outros. Quando chegou na cidade de Londres viu que seu coração pulsou mais forte por ser tão intensa e curiosa. Gosta de explorar e empreender, então entrou em sociedade com uma clínica de estética e agora foi nomeada CEO da clínica.


Com clipe novo que será estreado no começo de janeiro ela mostra que existe infinitas possibilidades de se recriar e de se tornar quem você quiser!


Filha, Modelo, Cantora , Compositora e agora Empresária.




Tivemos a oportunidade de entrevistar essa Girl Power maravilhosa, que tem tanto à acrescentar! Vem conosco!



1- Chárlote, sua paixão e introdução à música já vem de berço, aliás de dentro do ventre de sua mãe, que cantava enquanto carregava você! O que ter tido essa influência significa hoje para você?


Significa REVOLUÇÃO para a pessoa que venho me tornando. Não posso definir quem eu me tornei, pois estou diariamente aprendendo algo novo, inclusive ser mais que filha e sim amiga da minha mãe. Se ela não contasse provavelmente eu não sentiria na mesma intensidade a música, e isso é o princípio de tudo da minha vida. O mais legal foi que quando eu decidi me mudar do sul do país para São Paulo ela foi a primeira pessoa a me desmotivar, a falar que não daria certo por medo do que poderia acontecer por eu ser filha única. Eu senti raiva e falei que provaria ao contrário e agora meu último trabalho foi gravado em outro país.



Ela foi minha maior motivação, talvez se tivesse apoiado de primeira instância eu não teria ido com tanta garra. Ainda mais quando esse tipo de pensamento vem de alguém que amamos. Tudo que eu fiz até aqui, fez eu ficar mais próxima da minha família do que nunca antes. Quem tem harmonia com a família, tem muito mais facilidade de prosperar.

2- Você é uma mulher incrível e inspiradora! Que já venceu uma depressão, e só quem passa por uma situação como essa sabe o quão difícil é! A depressão é uma doença que se agrava constantemente, e exige demasiado esforço para reversão do quadro. Como você acha que a música te ajudou nesse processo?


Eu aprendi que qualquer pessoa pode ser artista e fazer música, pois é uma fonte de arte. Eu transformei a minha dor em inspiração. Coloquei tudo oque sentia naquele momento em uma melodia pois é a melhor forma que eu sei me expressar. Eu apliquei minhas ideias, sentimentos, traumas e crenças. Quando aceitamos uma doença principalmente se for mental e que tem ajuda para isso, é necessário aceitar e entender o que te levou à essa situação. Coloquei na balança oque tinha me afetado e relembrei como eu era quando criança, como era cheia de sonhos, zero medo de julgamentos alheios e cheia de pureza em tudo que fazia. Dos problemas transformei em solução. Nada é pra sempre. Então por que remoer e significar um sentimento que nem faz parte do presente?


A vida é curta demais pra não sermos gratos diariamente por ela! Todo dia uma nova chance para fazer melhor. O tempo de Deus é perfeito. E saber que assim como a letra, a música me salvou, pode salvar várias outras vidas.

3- Você é empreendedora, modelo, intérprete, administra suas redes sociais e mais! Como você concilia todas essas funções?


É um grande desafio conseguir conciliar tudo, demanda mais tempo do que alguém que não tem uma equipe gigante. Porém tudo sai exatamente como eu gostaria. Criando minha própria imagem, sem rótulos e nem copiando alguém. Abrir um novo caminho normalmente é algo no mínimo pavoroso. Não se tem receita de como fazer que é original e para se tornar algo aparentemente bom, precisa ter muitas tentativas fracassadas antes.


Então constantemente eu falho, e cada vez que eu erro eu consigo acrescentar algo na minha arte.

4- Atualmente você vive em Londres na Inglaterra, quais caminhos te levaram a deixar o Brasil?


Primeiro caminho, questão de condição. Nunca fui uma pessoa regada a privilégios financeiros, sempre trabalhei muito por conta. Eu estudei inglês durante 5 anos na minha adolescência. Isso fez com que eu tivesse mais sede do conhecimento e da vida que eu poderia ter fora do país, inclusive com diferentes oportunidades.


Qualquer pessoa que vem para Londres tem um mar de oportunidades de realizar os sonhos, seja qual for o objetivo.


5- Que dica você daria para um jovem artista que sonha em ingressar nessa carreira?


Seja sempre você mesma. Não ouse se diminuir para caber no mundo de quem você gostaria de impressionar. Mesmo que tudo mostre que você está na contramão. Se estiver assim então você está no caminho certo. Quando se fala de sonhos, significa um mar de imaginação e possibilidades que são infinitas. Quando alguém te desmotiva isso fala mais sobre ela do que sobre você. Tem que querer de todo coração, que Deus se encaminha para colocar as pessoas certas na sua vida. Estamos aqui de passagem, porque se importar tanto com oque o irão falar ao teu respeito? Primeiro te desmotivam, falam mal e até mesmo debocham. Depois que o reconhecimento vem as coisas invertem. Por isso nunca deixe de acreditar em você mesmo.


6- O fim do ano está batendo à porta! Quais reflexões você carrega deste ano que se encerra, e quais planos você pretende por em prática para o próximo?


O fim de ano chegou e junto uma bagagem imensa. Passamos 11 meses nesse turbilhão de experiências vividas, para chegar no natal que é uma ação tão linda, onde se reúne famílias e reencontros com nossos entes queridos e aquela troca de carinho gostoso. O importante é valorizar em vida quem realmente amamos, pois o dia de amanhã é improvável. Levar a vida com leveza, torna o ser humano resiliente. Resiliente de pessoas que entendem que tudo oque for feito com amor é duradouro.

7- E por último mas não menos importante: qual é a sua voz? O que você gostaria de gritar para o mundo se tivesse oportunidade?


Minha voz é a voz das pessoas que ainda estão adormecidas, mas que após a ler um pouquinho de tudo oque foi dito com certeza para com que acordem para a bela jornada que tem para trilhar.


A voz de mulheres que sabem onde querem chegar e não precisaram de oportunidade mas sim às criam! Hoje o acesso a tudo no mundo tem muita facilidade, muito mais que antigamente. Então não existe NINGUÉM nesse mundo para te parar a não ser sua própria mente. O que eu tenho para gritar para o mundo é : Viva a sua verdade, faça com amor e foca em confiar em Deus, o resto acontece por natureza . Tudo o que se planta, colhe.


bottom of page