Open site navigation

Kelly Key and Family

Kelly Key and Family

Sheyla Christina: Conheça o rosto por trás do sucesso dessa personagem que quebrou a internet!


Créditos:

Foto: @andersonmmacedo_ / @demmacedo

Make and Hair: @dariobion

Styling: @felippeschiavelli






Por: Evely Oliveira



Arquitetura por amor, empoderamento por aptidão! Conheça Fabio Marx o rosto por trás da personagem que literalmente quebrou a internet.

Sabemos que um os reflexos da pandemia causada pelo COVID-19 foi o fenômeno chamado TikTok, que ultrapassou o Facebook, Watsapp, e Intagram se tornando o aplicativo com maior número de dowloads em 2020, e com ele a descoberta de diversos artistas vieram a tona.



Foi então que uma das personagens que surgiram do ócio criativo em meio a todo esse caos é a nossa Sheyla Christina, dona de um humor ácido, arquiteta famosa, elitista, com uma clientela internacional, fluente em vários idiomas, aclamada no mundo VIP, mas sem perder a humildade e essência de uma mulher forte e batalhadora. Também atua como influencer digital gravando vídeos para suas redes sociais onde passa mensagens sobre empoderamento de maneira única e descontraída.



Conheça: Fábio Marx e sua genialidade humorística, por trás desse rosto que vem a cada dia conquistando uma legião de fãs!



Aos 27 anos, Fábio vem transformando o mercado da arquitetura de forma potente e criativa. A personagem, fruto da mente "provocativa" do designer de interiores, nasceu como crítica a uma das carreiras mais elitizadas do país.



Cuiabano, e hoje vive em Curitiba, Fabio espelha em Sheyla muitas situações que já viveu na pele. Não foram poucas as barreiras que ele, homem negro, gay e periférico, teve de quebrar para chegar onde chegou!

Diferente de Sheyla, uma arquiteta milionária, Fabio tem a vida corrida e se divide entre as redes e seu trabalho na Ohma que é uma marca de arquitetura, design e produtos fundada por ele, Paloma Bresolin e Nicholas Oher, cuja a proposta é transformar ideias em arte, e produtos através do design, passando leveza e sofisticação aos espaços sem deixar de lado o conceito inicial.



 


E hoje é com muito orgulho que nós da Hooks tivemos a oportunidade de lançar essa edição em comemoração ao seu aniversário! Confira nossa entrevista exclusiva, pois foi elaborada com muito carinho e admiração pela nossa querida Sheyla Christina.


 





1- Cuiabano, homossexual, negro e hoje você literalmente quebrou a internet com a genialidade de seu humor criando a personagem Sheyla Christina. Em algum momento da sua vida você imaginava que isso pudesse acontecer? Como você lida com essa explosão toda?


Eu sempre quis trabalhar com produção de conteúdo, sempre quis ser reconhecido pelo meu trabalho, se eu falar que nunca pensei na fama e tudo mais estarei mentindo, mas sempre pensei que meu reconhecimento viria através do trabalho como designer, é engraçado ver isso acontecendo por uma personagem de humor que eu criei do nada. Não sou humorista, não sou ator, sou só uma pessoa que adora fazer os amigos rir na roda do bar é isso acho que me ajudou muito.

2- Qual é a história por trás da Sheyla? De onde vem sua inspiração para abordar temas complexos como empoderamento de maneira tão descontraída e assertiva?


Acho que de formas bem diferentes as histórias da comunidade LGBTQIAP+ e de mulheres se cruzam em algum momento, assim como da maior parte das minorias. Sendo um homem gay que já passou por muito preconceito e ter sido criado por uma mulher preta muito forte, muitas das minhas falas vêm daí. Mas tento falar sobre coisas sérias de forma leve pois é como eu enxergo a vida, tento sempre ver aquela luz no fim do túnel. Lembro quando tive que dormir no chão de carpete de uma casa que estava em reforma e usar minhas próprias roupas como coberta num frio de 5ºC em Curitiba, foi difícil mas eu sempre soube que era uma fase e passei por aquilo da forma mais leve e tranquila possível.

3- Você é designer de interiores, possui uma empresa consolidada no ramo, já teve grandes parcerias como a Suvinil, e em um vídeo você já afirmou que descobriu esse talento jogando The Sims, conta pra nós um pouco mais sobre essa sua paixão pela arquitetura e design de interiores.


Eu literalmente amava The Sims mas quem foi minha grande inspiração pra começar arquitetura foi meu avô que nunca concluiu o ensino fundamental mas aprendeu tudo através dos livros e ele amava os livros de arquitetura e história. Comecei a faculdade de arquitetura mas não terminei por questões financeiras, quando me mudei pra Curitiba comecei a trabalhar em uma marcenaria e me apaixonei por design de interiores e mobiliário foi aí que resolvi voltar pra faculdade e me formar em Interiores. A minha paixão vem muito da possibilidade de poder transformar espaços, criar coisas novas e poder pensar nisso de formas diferentes pra cada pessoa. O mundo já está cheio de coisas, não quero criar nada sem propósito, então tudo que minha mente trás pra esse mundo caótico e cheio de lixo capitalista eu tento dar um significado é um motivo, acho que isso que faz eu ser o profissional que eu sou.


4- Certamente e infelizmente você já foi vítima de preconceito, o que você gostaria de dizer para todos os e as jovens que passam pela mesma situação todos os dias?


Que sejam fortes, as vezes é cansativo, as vezes a gente quer desistir mas eu sempre olho pra quem veio antes de mim e abriu as portas pra que eu pudesse colocar uma peruca na cabeça e fazer o que eu faço hoje. A gente não pode virar estatística, tem muita gente talentosa que tem sua história interrompida pelo preconceito, dar a cara a tapa é essencial pra dar um basta nisso.

5- E por último mas não menos importante, qual é a sua voz? O que você gostaria de gritar para o mundo se tivesse oportunidade?


Essa semana o presidente falou sobre vacinas que transmitem o vírus do HIV e eu fico muito chocada com as atrocidades que essa fala pode causar. Pessoas que vivem com HIV sofrem muito preconceito seja por outras pessoas sejam por elas mesmas. O HIV ainda é um tabu e a gente precisa mais e mais vezes falar sobre isso. Se eu pudesse gritar algo agora eu gritaria: Fora Bolsonaro! A gente não aguenta mais ler essas atrocidades e é um absurdo que essas coisas sejam ditas por alguém com tanto poder nas mãos.


E por hoje com o peito repleto de alegria pois sou particularmente uma fã! Encerro mais uma vez com a sensação de dever cumprido, Parabéns Fabio pelo seu aniversário!! Nós da Hooks desejamos muitas felicitações à você e queremos te aplaudir em pé a cada realização sua, pois você merece!!!


Bye, Bye!

ALL RIGHTS RESERVED

© 2022 by HOOKS MAGAZINE INTERNATIONAL LTDA.  Revista Hooks