Open site navigation

Kelly Key and Family

Kelly Key and Family

Celso Kamura: Com 45 anos de carreira, revela sonhos e segredos da profissão

Em entrevista exclusiva, o cabeleireiro dos famosos é um dos nomes mais conhecidos do universo da beleza



Créditos: Patricia Canola


Há quem diga que as celebridades são apenas artistas da TV ou cinema, mas Celso Kamura prova o contrário. Ele já se consolidou no mercado da beleza como cabeleireiro e maquiador dos famosos e, em consequência, se tornou uma verdadeira celebridade, com direito a repercussão até no exterior.


Em entrevista exclusiva para a Hooks Magazine, ele abriu o coração e falou dos sonhos que ainda pretende alcançar na profissão e de curiosidades que boa parte das pessoas tem vontade de saber.


Já imaginou, por exemplo, que existem produtos específicos que ele usa no rosto do apresentador Luciano Huck? É isso mesmo. O mercado dos cosméticos oferece uma infinidade de opções, mas somente quem tem a experiência de 45 anos de profissão pode trazer em detalhes os segredos para a realização de um bom trabalho.


Em clima de descontração e com foco nas tendências de maquiagem, Celso trouxe informações incríveis com dicas que certamente farão a diferença. Confira:



Talita Akemy (Hooks Magazine): Você acompanha bastante as tendências de make do mercado? Qual a sua favorita para o dia a dia?


Celso Kamura: Acompanho sim, até porque eu preciso informar meus clientes sobre as novidades do mercado, e também indicar produtos que sejam melhores para cada uma delas e suas particularidades. Eu uso muito a MAC Cosmetics por ser versátil, e por cobrir todos os tons de pele. Como somos maquiadores, temos que atender todos os clientes, e a MAC hoje é a que melhor me auxilia dentro da profissão. Tem algumas marcas específicas que eu levo para quando vou atender trabalhos específicos. Por exemplo, a melhor base para a pele do Luciano Huck é da Dior. O melhor primer que eu já provei na vida para homens é o Pore Refiner da Bioderma. O gel de sobrancelha da Benefit é imbatível. O kit de corretivos da MAC com seis tons me salva em qualquer produção. Eu acabei de experimentar a linha nova da Vic Ceridono e achei genial para peles jovens e também para peles maduras. É leve, multifuncional e tem uma embalagem incrível. Sim, a gente também compra produtos pela embalagem. E não esquecendo, eu não vivo sem a água micelar da Bioderma e o limpador de pincéis da Klass Vough.



Talita Akemy (Hooks Magazine): Qual foi sua principal inspiração para criar o quadro “Beleza Levado A Sério” nas redes sociais?


Celso Kamura: Foi apresentar os profissionais mais antigos para a nova geração e vice-versa. Quando resolvi fazer o BLS, era para contar a minha história, porque muita gente não me conhecia e eu estou aqui há muitos anos, já completei 45 anos de carreira e tudo o que os novinhos fazem eu já fiz. Também queria me conectar com essa geração nova de profissionais cabeleireiros e maquiadores que estão em destaque, ou que estão começando uma carreira. Meu objetivo é mostrar que educação é tudo em qualquer profissão, e que eles precisam conhecer o passado para criar novidades e uma assinatura relevante no mercado. No primeiro momento, depois que contei minha vida, eu decidi entrevistar os profissionais que fizeram parte da minha trajetória profissional, como por exemplo, o estilista Alexandre Herchcovitch e profissionais cabeleireiros renomados, entre eles Romeu Felipe, Wanderley Nunes, Marco Antonio de Biaggi, Mauro Freire, os maquiadores das estrelas como Henrique Martins, Rodrigo Costa, etc. Depois busquei entrevistas com stylists, fotógrafos, jornalistas de beleza, influenciadores digitais, empresas e até jovens profissionais que estavam se destacando no mercado. Agora a gente deu um tempinho para pensar em algo diferente, porque o mesmo modelo, apesar de ter muitos fãs, cansa um pouco, deixa de ser novidade e a gente segue se reinventando.


Talita Akemy (Hooks Magazine): Segue alguma rotina de skincare? Se sim, qual sua maior dica para o autocuidado?


Celso Kamura: Eu nunca tinha feito nada de mais com a minha pele até que entramos em lockdown. Tinha tempo de sobra, estava recebendo novidades das empresas e resolvi fazer direitinho. E não é que funciona? Eu fiquei passado. Comecei fazendo o passo a passo com os produtos da Bioderma e vi que a minha pele respondeu muito bem. Aí fui atrás de um produto para sinais, outro para os olhos, pescoço. É um caminho sem volta. Hoje eu não faço mais tudo certinho porque não tenho mais tempo sobrando, e às vezes eu pulo alguns passos. Minha rotina é com produtos da Bioderma e Esthederm, estou usando a linha Lift and Repair e adorando. Mas também faço outros procedimentos como laser Fotona 4D, com o Dr. Aldo Toschi no rosto, pescoço e abdômen. Malho todo dia e faço acompanhamento com um nutrólogo, o Dr. Alisson Melo da Clínica Benessere. Eu gosto de me sentir bem.



Talita Akemy (Hooks Magazine): Falando sobre make, tem planos para ter uma linha própria de maquiagem?


Celso Kamura: Sempre foi meu sonho. Eu já tive duas linhas que foram descontinuadas. Uma em 2008 e outra em 2013, com a Toyota Tsusho no Brasil, cuja fabricação era toda no Japão, na fábrica da Kanebo. Quando os produtos ficaram prontos, o preço final acabou extremamente caro e eles tiveram problemas em divulgar e vendê-los. Depois, veio a crise e a Toyota resolveu cancelar o projeto, mas os produtos eram incríveis. Meu sonho ainda é ter uma linha de make com o meu nome, a preço acessível, para que todos possam experimentar. Quem sabe né?


E é com esse gostinho de que no futuro haverá uma contribuição mais do que especial para a democratização da beleza, que o profissional Celso Kamura finaliza seu papo exclusivo com a Hooks Magazine.



Créditos: Rogerio Ikeda








1 comentário

ALL RIGHTS RESERVED

© 2022 by HOOKS MAGAZINE INTERNATIONAL LTDA.  Revista Hooks