Os 7 estilos universais

Você sabia que existem 7 estilos universais e que combinados entre si, ajudam a comunicar a nossa imagem? Sendo eles fundamentais para decifrar nossa personalidade e mostrar ao mundo a nossa melhor versão!


A definição de "7 estilos universais", surgiu a partir de estudos que analisaram o comportamento dos consumidores durante anos. Na década de 80, a americana Alyce Parsons desenvolveu o sistema PASS (Proportion Analysis / Style Selection), que cunhou o conceito de estilo universal. O resultado dessa pesquisa extensiva trouxe um compilado de características e padrões que refletem os interesses de consumo dos indivíduos.


Ao longo da vida, é normal que a gente mude, evolua e talvez até mude de gostos. Por isso o autoconhecimento é a chave para liberar a sua máxima potência.


E mesmo quem tem pouco ou nenhum interesse pelo mundo da moda tem um estilo predominante. E acreditem? Geralmente, todos nós, nos identificamos com até três estilos, embora um deles sempre seja dominante. E que juntos, transmitem a personalidade, os valores e os ideais que são comunicados ao mundo através das nossas roupas.


Vamos aos 7 estilos universais:



Clássico/ Tradicional


Não muda por conta das tendências, é um estilo mais conservador e formal, porém atemporal, pelo simples fato de permanecer intacto ano após ano. Cortes retos, tecidos mais estruturados (como a alfaiataria), cores sóbrias e acessórios mais discretos. Estampas: listras, pied de poule, poá, xadrez. Para elas: sapatos de estilo clássico, como scarpins e sapatilhas em tons neutros. Bolsas com linhas retas e mais estruturadas. Para eles: camisa social, calça de sarja, suéter, blazer e sapato social.


Mulheres clássicas: Kate Middleton e Carla Bruni

Homens clássicos: Rodrigo Santoro